Audioteca Sal & Luz leva livros falados a deficientes visuais


Meus olhos são seus olhos

A Audioteca Sal & Luz é uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, que produz e empresta livros falados [audiolivros] para pessoas cegas ou com deficiência visual, em todo o território nacional, de forma gratuita.

Possui, hoje, mais de 1.700 associados e conta, em seu acervo, com cerca de 2.700 títulos, entre didáticos/profissionalizantes e literatura.

Nosso objetivo é proporcionar, aos nossos associados, meios para a conquista de uma vida com qualidade.

Mais do que inclusão, desejamos viver numa sociedade que não exclua seus filhos, a despeito de todas as diferenças. Que essas diferenças sejam o estímulo necessário para nosso crescimento individual e para a construção de uma nação mais justa.

No dia 16 de maio, realizamos uma confraternização para comemorar a formatura de mais nove novos ledores do projeto da Audioteca Sal & Luz. Graças ao apoio do Oi Futuro, os voluntários puderam frequentar o curso de formação de ledores onde aprenderam as técnicas de gravação e edição do material voltado para os deficientes visuais.

O curso foi realizado durante quatro sábados, produzindo um total de doze horas/aula. O curso foi ministrado pelo instrutor Marcos Bittencourt, radialista e profissional da voz. O referido instrutor trabalha com voluntariado há mais de quinze anos e já foi responsável pela formação de mais de 100 voluntários ledores de audiolivros.

Neste curso de formação de ledores, ensinou alguns comandos básicos para a realização da gravação e da edição do material produzido. Os alunos aprenderam a operar num programa de edição de som, além de terem recebido dicas sobre como realizar a narração das histórias. É importante enfatizar que toda a gravação é diferenciada, pois nossa preocupação é atender ao deficiente visual na sua necessidade.

Na confraternização, contamos com a participação de uma de nossas associadas, Ivete Rita, que, atualmente, faz faculdade de Pedagogia e utiliza o serviço da Audioteca para auxiliá-la em seus estudos. “A importância desse projeto é infinita. Sem esse projeto como eu ficaria? O apoio de cada um é como se fossem nossos olhos. Os olhos que nós não temos“, disse Ivete.

A formação desses novos ledores é essencial para a continuidade do projeto, pois todos os livros da Audioteca Sal & Luz são gravados por vozes voluntárias e esse novo grupo irá reforçar nossa produção de livros, aumentando ainda mais as novidades literárias no acervo da instituição.

Veja mais neste link.

Notícias do Blog do Galeno | Edição 404 | 26 de junho a 2 de julho de 2015