Mercado de livros digitais cresce e faturamento supera o de livros impressos


Esta matéria é um exemplo perfeito de como os números do mercado editorial, além de escassos, são sempre mal interpretados pela mídia em geral. Apesar da chamada da matéria, do título, e dos números apresentados, é muito importante deixar bem claro ao leitores que acompanham este nosso espaço que não é verdade que mercado de livros digitais cresceu a ponto de seu faturamento superar o de livros impressos. Assistam a matéria e percebam que o erro ocorreu porque o jornalista, ou alguém da pauta, sei lá, tem tanta gente que não presta atenção nas coisas, interpretou erroneamente os números percentuais, cuja fonte, segunda a matéria, é do Sindicato Nacional dos Editores de Livros.

Corrigindo, por tanto o lead da matéria:

Mercado de livros digitais fatura menos, mas seu crescimento já supera em percentual o de livros impressos

POR EDNEI PROCÓPIO

Anúncios