Mais de mil advogados já utilizam biblioteca digital no PI


Tendo que atender pessoalmente clientes, buscar fóruns, secretarias, protocolar documentos, nem sempre sobra tempo para o profissional da advocacia se debruçar ou mesmo buscar em acervos de bibliotecas materiais para seus estudos e profissionalização. Tão necessário quanto o trabalho diário, é o aperfeiçoamento e atualização do profissional.

Pensando nisso, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, firmou parceria com a Editora Fórum, disponibilizando aos advogados adimplentes um Biblioteca Digital com mais de 150 exemplares jurídicos, que podem ser acessados de qualquer lugar ou hora. Em menos de três meses, 1.038 advogados já realizaram o cadastro e utilizaram o material disponível.

A tecnologia nos permite manter as publicações sempre atualizadas, o que garante uma maior confiança e eficácia no conteúdo disponível”, garantiu o presidente da Editora, Luís Cláudio. Para acessar os exemplares, os advogados deverão solicitar o acesso, por meio de um cadastro na página da biblioteca, informando dados pessoais e número de inscrição na Ordem.

Atualmente, um sistema online é utilizado pelos estudantes que frequentam a biblioteca física da OAB-PI. No entanto, por meio da parceria, mais de 150 volumes, entre livros de processo civil, penal, direito público e empresarial, podem ser acessos até mesmo do escritório do advogado inscrito na Ordem.

A parceria amplia o que já oferecemos aos que frequentam a biblioteca da Ordem. O nosso objetivo é permitir que os profissionais tenham acesso de forma prática e dinâmica a estas publicações. Conhecemos a necessidade desta ferramenta na rotina dos advogados e o conceito prestado pela Editora no país”, defendeu Willian Guimarães, presidente da OAB-PI.

A Biblioteca Digital é composta por séries com obras publicadas pela Editora Fórum nas diversas áreas do Direito e possui todos os benefícios da plataforma, como leitura simultânea, busca integrada e permanência por tempo indeterminado do conteúdo adquirido.

OAB/PI | 26/05/2015