ABM firma parceria com Observatório do Livro e da Leitura para bibliotecas digitais


A Associação Brasileira de Municípios [ABM] efetivou no mês de agosto uma parceria com o Observatório do Livro e da Leitura, da Fundação Palavra Mágica e a Árvore S/A, que permitirá que as Prefeituras deem um salto importante quanto ao uso das novas e modernas tecnologias de educação na sua cidade.

Graças a esse acordo, as gestões municipais poderão ter quantas bibliotecas digitais forem necessárias para passar a emprestar livros digitais para os usuários de bibliotecas do seu município. E tudo isso sem qualquer custo para a prefeitura.

Os munícipes poderão acessar e ler os eBooks no computador, tablet ou smartphone de onde estiverem, a qualquer dia ou hora. O acervo básico e gratuito possui 1.000 eBooks que estão em domínio público. A ampliação do acervo poderá ser feita diretamente pela prefeitura. “A educação é fundamental para o desenvolvimento do país e das cidades. Viabilizar o acesso da população e livros é fundamental para proporcionar avanços nessa área e com essa parceria a ABM está democratizando essa prática”, avalia o presidente da ABM, Eduardo Tadeu Pereira.

De acordo com Galeno Amorim, responsável pela iniciativa, “investimentos em tecnologia costumam ser altos e, mesmo assim, em pouco tempo ficam defasados. Esse tipo de parceria faz com que os parceiros tecnológicos assumam os custos de manutenção e desenvolvimento”, explica.

A biblioteca digital de cada cidade já está criada. Só é necessário que o responsável pela biblioteca na Educação ou na Cultura entre em contato com o Programa de Implantação de Bibliotecas Digitais, pelo e-mail bibliotecas@arvoredelivros.com.br e peça seu login e senha para aprovar e já começar a usar.

POR IMPRENSA ABM | 25 DE AGOSTO DE 2014

Anúncios

eBook de escritor brasileiro vem despertando curiosidade na Internet


A Cabala na Última Ceia de Leonardo da Vinci

Com mais de 6.000 downloads gratuitos, o livro Ordem dos Fantasmas do gaúcho Eucajus Eugênio, trás uma leitura inédita para Última Ceia de Leonardo da Vinci. O autor sugere que a posição e a expressão dos personagens na pintura simbolizam os fundamentos da Cabala, e também afirma que a misteriosa identidade de Mona Lisa, trata-se de Giacomo di Capriotti-Salai, o jovem discípulo que Da Vinci amava e protegia.

A narrativa agrupa eventos apontando que Leonardo da Vinci não teria composto a Última Ceia segundo Evangelho de João, 13:21. E sim, segundo o Evangelho de Mateus 13:11. “A vos tem sido dado o segredo sagrado, mas para os que são de fora, os segredos ocorrem em ilustrações, a fim de que olhando olhem, mas não compreendam”.

Mateus 13:11 = 13 personagens na pintura e 11 esferas da Arvore da Vida da Cabala.

A associação da pintura ao principal símbolo da Cabala é realizada didaticamente com auxílio de imagens ilustrativas, proporcionando entendimento e significado na exposição de cada personagem com as Esferas da Arvore da Vida.

Em relação à Mona Lisa, o autor afiança que Leonardo da Vinci amava a pessoa retratada. Era tanto amor que Da Vinci fez questão de registrá-lo na pintura, a letra inicial da alcunha do seu amado e um belo coração estão lá, tão nítidos, que ficamos surpresos que estivessem ali todo tempo.

Entretanto, a interpretação das obras de Leonardo da Vinci, simboliza uma leitura cognitiva e inquisitiva que a narrativa nos convida a fazer nas entrelinhas da mídia, nas interações sociais e na própria literatura. Entre conceitos filosóficos e herméticos encontramos parábolas, figuras dialógicas e recursos gráficos formatando essa rede simbólica, onde 28 filmes e 120 livros são citados. Ordem dos Fantasmas é um livro que propõe leituras e traz na sua essência a frase de Schopenhauer: “A tarefa não é tanto ver o que ninguém viu ainda, mas pensar o que ninguém pensou sobre algo que todos vêem”.

Serviço | Download Gratuito do livro Ordem dos Fantasmas em ordemdosfantasmas.blogspot.com