Espaço na Off Flip lançará versão 2.0 de biblioteca online


Rio de Janeiro – De 31 de julho a 2 de agosto, durante a programação Off Festa Literária Internacional de Paraty [Flip], a Liga Brasileira de Editoras [Libre] e a plataforma online Nuvem de Livros apresentarão um espaço onde o público participará de debates e conhecerá a versão 2.0 da biblioteca online do Grupo Gol.

Na Rua da Lapa, coração do Centro Histórico da charmosa cidade do Litoral Sul Fluminense, a Casa Libre e a Nuvem de Livros apresentarão durante três dias, sempre a partir das 12h, debates e bate-papos sobre a pluralidade editorial e as inovações digitais na área.

Com curadoria do escritor Luis Maffei, os visitantes poderão assistir a debates como “Políticas de bibliotecas digitais”, “Livros e políticas” e “A infância e o livro”, além de bate-papos como “O Plano Nacional de Educação e a cultura brasileira”, com Arnaldo Niskier, [membro da Academia Brasileira de Letras], e “Uma vida com a ficção”, com Antônio Torres, [também acadêmico], ambos da “Nuvem”.

Nas mesas de debate estarão nomes como Ittala Nandi, atriz, diretora e escritora; Sergio Cohn, poeta e editor; Marcelino Freire, escritor; Vivian Pizzinga, psicóloga e ficcionista; e Jorge Fernandes da Silveira e Vera Lins, intelectuais da área da Literatura.

Principal lançamento do espaço, a nova versão 2.0 da biblioteca online Nuvem de Livros estará disponível na Casa para o público acessar e também será apresentada num bate-papo com o presidente do Grupo Gol e criador da plataforma, Jonas Suassuna, no dia 1º de agosto.

A programação também terá lançamento de livros, sarau e as apresentações “Meia-noite Erotika” e “Meia-noite com Camões”, com início às 23h59, que encerrarão as atividades nos dias 31 [quinta-feira] e 1º [sexta].

No sábado, 2, as crianças serão as convidadas da roda de leitura de trocadilhos “Trocando alhos por bugalhos, misturando os ditados”, e uma festa encerrará a programação da Casa à noite.

Para Haroldo Ceravolo, presidente da Libre, “com esse espaço em Paraty a Libre, as editoras independentes e a biblioteca digital Nuvem de Livros querem falar diretamente ao público, promover a diversidade do livro e das editoras e discutir ideias e políticas para o mercado editorial brasileiro”.

Exame | 22/07/2014