Amazon pressiona para novos termos no Reino Unido


Editoras do Reino Unido estão preocupadas com os novos arranjos contratuais da Amazon. A varejista tem pressionado para melhorar os termos de uma série de editoras ao mesmo tempo em que o impasse com a Hachette Book Group continua nos EUA. Além de descontos maiores, a Amazon introduziu uma série de novas cláusulas nos contratos com as editoras, uma delas em especial tem tirado o sono dos editores britânicos: a Amazon passaria a ter o direito de suprir suas próprias cópias para os clientes, por meio de suas instalações de impressão por demanda, em caso de livros esgotados ou fora dos estoques das editoras.

Por Benedicte Page | The Bookseller | 24/06/2014

Anúncios