Feira Nacional do Livro terá Biblioteca Digital


A Feira Nacional do Livro de Ribeirão Preto contará com uma novidade durante a 14ª edição, que acontece de 16 a 25 de maio. Mais de 1.000 diferentes títulos farão parte de uma Biblioteca Digital, que poderá ser acessada pelos interessados durante a Feira, após cadastro no Estande da Fundação Feira do Livro, na Esplanada do Theatro Pedro II.

A Biblioteca Digital, projeto pioneiro da plataforma de bibliotecas digitais Árvore de Livros, disponibiliza a leitura de vários livros a partir de uma conexão com a internet, em qualquer tablet, computador, notebook e na maioria dos smartphones e e-Readers. Depois de carregar o texto na tela, a pessoa pode ler o livro mesmo com a rede desconectada [desde que a tela não seja fechada].

Monitores estarão disponíveis no estande da Fundação, com tablets, para auxiliar os interessados que receberão login e senha para acessar as obras de qualquer local. Cada usuário pode ler quantos eBooks quiser, desde que não leia mais de três obras simultaneamente.

Entre os livros disponíveis na Biblioteca Digital estarão obras de Machado de Assis, Lima Barreto, José de Alencar, Castro Alves, Balzac, Eça de Queirós, Monteiro Lobato, Florestan Fernandes, Ignácio de Loyola Brandão, Arnaldo Jabour, Flávio Gikovate, Ziraldo e outros.

O projeto atenderá alunos do ensino fundamental e do ensino médio na rede pública e privada. Em seguida, os demais níveis de ensino. “A era digital vai promover uma verdadeira revolução na leitura no Brasil, com impactos extraordinários na educação”, afirma o presidente da Árvore de Livros S.A., Galeno Amorim.

A Fundação Educandário Cel. Quito Junqueira, em Ribeirão Preto, abriga a primeira biblioteca comunitária digital do país, que está em operação desde o último 23 de abril, Dia Mundial do Livro. A iniciativa é da Fundação Palavra Mágica e da Árvore de Livros S.A, que tem sede no Rio de Janeiro. O projeto tem o apoio das editoras Globo Livros, Callis e Draco e da Fundação Feira do Livro.

Anúncios