Modernos equipamentos escolares estão encaixotados no Rio Grande do Norte


Mais de 1.700 tablets comprados para alunos da rede pública de ensino do Rio Grande do Norte estão encaixotados em um galpão em Natal. Com os tablets, foram gastos R$ 820 mil e há outros R$ 3,2 milhões previstos para aquisição de lousas interativas que compõem o kit que seria utilizado nas escolas potiguares. A empresa quer um acréscimo de 16% para compensar a alta do dólar e, por isso, não entregou os projetores das lousas. O MEC proibiu os estados de completarem a verba, impasse que levou o Ministério Público a abrir um procedimento para verificar a inutilização dos tablets.

Por TV Globo | Bom Dia Brasil | Portal G1 | 05/02/2014