Mundo digital: bem abaixo de 1%


Enquanto a Amazon não desembarca por aqui, ninguém ainda fatura como gente grande com as vendas de e-books. É o que atesta uma pesquisa inédita da Câmara Brasileira do Livro e do Sindicato Nacional dos Editores de Livros, segundo a coluna Radar, de Lauro Jardim. Em 2011, os 5.235 títulos lançados no formato digital levaram as editoras a arrecadar R$ 862.000. Um valor pífio: o setor fatura cerca de R$ 4 bilhões anuais com as vendas de livros físicos.

Por Lauro Jardim | Veja On Line | 08/07/2012