Versão digital do dicionário Houaiss suprime termo ‘cigano’


O Houaiss não tem mais “cigano” na sua versão eletrônica. O sumiço ocorreu após ação do Ministério Público Federal para retirar do dicionário “referências preconceituosas” e “racistas” contra ciganos. Ontem, quem digitasse “cigano” na versão eletrônica do Houaiss, disponível no UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha, encontrava aviso de que a “palavra não foi encontrada”.

Até terça, quando a imprensa noticiou a ação, a palavra estava disponível. O mesmo aviso aparecia quando a palavra “negro” [que não foi alvo de ação] era digitada na procura. Entre os significados para “cigano” estavam “esperto ao negociar” e “apegado ao dinheiro, agiota, sovina”. Segundo a Procuradoria, violam a lei que tipifica o crime de racismo.

O diretor do Instituto Antonio Houaiss, Mauro Villar, afirma que não partiu dele a ordem para a retirada. Villar diz que nunca teria suprimido as definições porque elas são “espelhos que refletem ocorrências” na língua.

Folha de S. Paulo | 03/03/2012

Anúncios

2 pensamentos sobre “Versão digital do dicionário Houaiss suprime termo ‘cigano’

  1. Que absurdo suprimir uma palavra! Além do mais toda palavra em dicionário tem as anotações de seus variados significados, atualizados e antigos, para que se possa interpretar corretamente os textos literários de cada época. Não é escondendo a história que se educa. Se fosse possível acabar com o racismo suprimindo palavras, então o melhor a ser feito seria suprimir dos dicionários a palavra racismo, rsrsrsrs Ass.TCP

  2. Quando nossas crianças, ouvirem falar de cigano… visto o andar tecnológico procuraram em seu tablet, nos inúmeros dicionários, no meu caso em particular indicarei o Houaiss, mas não o encontraram, assim sendo aos poucos disseminaremos uma cultura que prevalesse atualmente, portanto quanto o que deixamos ou não exposto, teremos que ter cuidado para que não suprimamos culturas.

Os comentários estão desativados.