Artista monta livro com mensagens SMS recebidas desde 1999


Capa do livro "Text Me Up!"

A artista Tracey Moberly montou a autobiografia “Text Me Up!” usando o conteúdo de mensagens de texto que ela recebeu desde 1999, quando ela começou a armazenar esse conteúdo.

A narrativa começa depois que Moberly termina um longo relacionamento. “A história segue a vida de Moberly e de outros por meio do que foi contado nas mensagens de texto que ela recebeu“, diz a loja Beautiful Books, que vende a obra.

Ainda de acordo com a Beautiful Books, a artista se lembra de momentos de sua vida com a ajuda das mensagens SMS.

Os eventos se passam em Manchester e Londres, no Reino Unido.

Folha.com | TEC | 14/07/2011 – 11h49

Amazon diminui preço do Kindle 3G após acordo com AT&T


A empresa de comércio eletrônico Amazon anunciou na última quarta-feira [13] um acordo com AT&T, pelo qual a operadora americana patrocinará a versão básica de seu leitor eletrônico Kindle 3G, o que representará um desconto de 26,4% em seu valor.

O preço do aparelho, que permite o armazenamento de até 3,5 mil livros e oferece quase um milhão de títulos à venda em sua loja on-line, passará de US$ 189 para US$ 139, e incluirá também a conexão por meio de uma rede 3G de gratuita e sem contrato, detalhou a Amazon.

Os clientes do Kindle 3G leem 20% mais livros e aproveitam o dobro de ofertas especiais“, afirmou o fundador e executivo-chefe da empresa, Jeff Bezos, em comunicado de imprensa.

O anúncio acontece três meses depois de a Amazon começar a venda nos Estados Unidos da versão básica do Kindle sem conexão à rede 3G com um desconto de US$ 25, em troca de os usuários receberem publicidade e descansos de tela patrocinados.

A empresa lançou o primeiro Kindle em 2007 e apresentou em 2009 o chamado Kindle 2, menor e com mais capacidade, além do Kindle DX, que permite a consulta de livros e jornais em uma tela maior.

Desde que entrou no negócio dos leitores digitais, a Amazon diminuiu gradualmente os preços de seus dispositivos para conseguir uma melhor posição diante de concorrentes, como Apple, Sony e Barnes & Noble.

Além disso, a empresa informou que pretende lançar em breve seu primeiro aparelho para competir com a Apple no mercado dos tablets e atualizar seus leitores eletrônicos com duas novas versões, segundo o jornal “The Wall Street Journal”.

O novo dispositivo terá uma tela de nove polegadas, funcionará com o Android, sistema operacional do Google, e permitirá que seus clientes vejam vídeos, leiam livros e escutem música comprada ou alugada em seu site.

As ações da Amazon fecharam nesta quarta-feira em alta de 1,07% no índice tecnológico Nasdaq, enquanto os títulos da AT&T, uma das 30 empresas que fazem parte do Dow Jones Industrial, subiram 0,16%.

DA EFE, EM NOVA YORK | 14/07/2011 – 10h36