Papel eletrônico usado no Kindle não deve ganhar cores neste ano


A fabricante de telas E Ink prepara um papel eletrônico com capacidade para exibir múltiplas cores, mas ele não deve ser lançado neste ano, diz o blog Crave, que entrevistou Sri Peruvemba, vice-presidente de marketing e vendas globais da empresa.

O modelo mais atual de papel eletrônico da E Ink, conhecido como Pearl, é utilizado em leitores como Amazon Kindle e Sony Reader e pode exibir apenas imagens em preto e branco. O Triton, que poderá exibir cores, ainda está em fase de desenvolvimento.

Segundo Peruvemba, o ciclo da tecnologia usada nessas telas é de dois anos. “Leva algum tempo para desenvolver e testar a próxima geração.

Com isso, os próximos leitores eletrônicos devem investir em mais rapidez, diz o blog. Avanços em processadores e software devem possibilitar telas com taxas de atualização mais altas, permitindo trocas de página mais velozes, entre outras melhoras.

Folha.com | 03/05/2011 – 09h45