Na Santa Ifigênia, iPad chegou primeiro


A Rua Santa Ifigênia, no centro de São Paulo, é um dos locais mais fáceis de se encontrar pirataria na cidade. Há desde CDs de jogos por R$ 10 até celulares e MP3 Players por cerca de R$ 150. Mas o mais novo fetiche dos boxes de informática da região não é um produto pirata, e sim um original: o iPad, o famoso tablet da Apple que já vendeu mais de 1 milhão de unidades nos Estados Unidos desde o lançamento oficial, há cerca de um mês. A comercialização do iPad no Brasil, no entanto, é ilegal – faz parte do conjunto de práticas conhecido como pirataria. Os aficionados mais impacientes têm buscado o tablet nas galerias da Santa Ifigênia. Lá, paga-se entre R$1.600 e R$ 2.900 por aparelho, dependendo da configuração – cerca de R$1.000 a mais que nos EUA.

O Estado de S. Paulo – 15/05/2010 – Rodrigo Burgarelli